terça-feira, 14 de junho de 2011

Fitoterapia para a sua dor óssea

Se ignorarmos a medicina chinesa existe uma relação entre os problemas dos ossos e problemas nos rins. Assim, a sua solução, é preciso fortalecê-las. Fitoterapia leva essa idéia para ativar o rim através das plantas e torná-la a remover as toxinas como o ácido úrico, intimamente relacionada com a degeneração óssea.

Fitoterapia recomenda a administração de um número de plantas para aliviar a artrite, a artrite e outras condições dolorosas dos ossos. Willow, por exemplo, contém ácido salicílico e que o torna um excelente anti-inflamatórias que ajudam a combater a dor, inchaço e rigidez.

Na mesma linha, servindo a meadowsweet, que acontece de ser uma planta adequada como tratamento adjuvante de reumatismo e gota de propriedades diuréticas e anti-inflamatórios. Finalmente apontar como outra das plantas certas para o tratamento da dor óssea de camomila (doce ou azedo), muito apropriado para ser inflamatórias, antineuralgic e purificar o sistema digestivo.

É aconselhável misturar estas plantas em um chá para ser tomado após as três refeições principais. Além disso, o tratamento pode ser completado com a administração de groselha preta extrato. Para efeitos destas plantas para estabilizar o corpo deve ser tomado por pelo menos dois meses consecutivos e pode ajudar com massagem externa baseada na essência de alecrim e menta, que ativa a área de circulação tratados.

0 comentários