segunda-feira, 13 de junho de 2011

A contaminação por Escherichia coli

A bactéria conhecida como Escherichia coli é um dos poluentes mais perigosos orgânicos, como é o microrganismo que causa (entre outros problemas de saúde) Síndrome Hemolítico-Urêmica (também conhecido como ED). A forma mais difundida de infecção no caso da Escherichia coli é por contato com alimentos contaminados, ou pelo contato de pessoa para pessoa em condições de higiene. Atualmente recomenda-se ainda como um preventivo da doença lavar frequentemente as mãos com sabão e água (especialmente se você estiver em contato com um monte de gente, como em jardins ou geriátricas).

Como a temperatura é um elemento que destrói completamente a Escherichia coli, uma das mais confiáveis ​​e mais seguros métodos para eliminar o risco de contaminação pela ingestão de alimentos é cozinhar o alimento em altas temperaturas. Outro fator importante a considerar quando se evitar a contaminação por esta bactéria é a contaminação cruzada. Este tipo de contaminação ocorre quando o contato é estabelecido entre dois itens de alimentos de origem diferentes (sendo uma delas contaminadas). Em todos os casos, tábuas de corte devem ser diferentes (para carnes, legumes, etc.).

Quando manipulação de alimentos é necessário tomar algumas medidas preventivas para reduzir os riscos de contaminação por Escherichia coli. É bom lavar as mãos com água e sabão antes e após o preparo de alimentos (como nos tempos quando nós nos sentamos na mesa de jantar). Lave as frutas e verduras com água limpa (se estiver em dúvida ferver para eliminar qualquer risco de contaminação). Lembre-se que os alimentos mais seguros são aqueles que são muito frios ou muito quentes (como se previne o desenvolvimento de bactérias).

0 comentários